(21) 2682-1379 Fale Conosco
Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in posts
Search in pages

Docentes debatem conjuntura e aprovam centralidade da luta para 2018

Durante todo o período da tarde e noite dessa segunda-feira (22), os mais de 550 delegados e observadores inscritos, até o momento, no 37º Congresso debateram os textos apresentados por docentes de diversas seções sindicais, com diferentes análises da conjuntura nacional, internacional e do movimento docente.

Dos 10 textos enviados ao Caderno do 37º Congresso, um foi remetido à plenária do Tema 2, por solicitação dos autores da Associação dos Docentes e Profissionais da Educação a Distância do Rio de Janeiro – Seção Sindical do ANDES-SN (Adopead SSind.), e o texto 9 não foi defendido pela ausência dos autores.

Durante mais de cinco horas, os participantes expressaram as diferentes análises de conjuntura e debateram questões como as contrarreformas impostas aos trabalhadores pelo governo de Michel Temer, as retiradas de direitos promovidas pelos governos anteriores e suas consequências para o setor da educação, além da Justiça seletiva e do julgamento do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que pode resultar no impedimento de sua candidatura. Foram abordados também os ataques promovidos pelos governos estaduais, a situação dos trabalhadores aposentados e pensionistas, a necessidade de construção de uma nova Greve Geral para barrar a Reforma da Previdência, e ainda, o papel do Sindicato Nacional nesses processos e a participação em diversas lutas e ações de resistência contra os retrocessos. Foi destacada, também, a situação dos trabalhadores na América Latina.

Após mais de 50 intervenções, os delegados aprovaram, como centralidade da luta do Sindicato Nacional para 2018: “Fortalecer a unidade de ação com os setores dispostos a barrar e revogar as contrarreformas. Construir as lutas e a greve do funcionalismo público federal, estadual e municipal em defesa da educação e dos serviços públicos e da garantia de direitos, rumo a uma nova Greve Geral. Fora Temer. Nenhum direito a menos.”

 

Moção contra a seletividade da Justiça no julgamento do ex-presidente Lula

Ainda na Plenária do Tema 1, foram apresentadas três moções relativas ao julgamento em 2ª instância de Luís Inácio Lula da Silva, marcado para quarta-feira (24). Os delegados aprovaram, por maioria, se manifestar sobre o julgamento do ex-presidente, marcado para ocorrer no TRF4 no próximo dia 24 de janeiro.

A moção aprovada destaque que, como o sindicato já denunciou no 61º Conad, na atual conjuntura explicita-se e aprofunda-se o alinhamento político entre os poderes Executivo, Legislativo, Judiciário e a grande mídia, com destaque para a ação do Supremo Tribunal Federal (STF), ampliando-se para segmentos do Ministério Público e da Polícia Federal, que demonstram total subordinação aos interesses políticos dos representantes do Capital.

“A condenação de Lula, seletiva e com fins eleitorais, se confirmada em segunda instância, é mais um ataque às poucas liberdades democráticas conquistadas e pode servir para o aprofundamento da criminalização das lutas sociais. Posicionar-se contra a seletividade da justiça que, neste caso, pode inviabilizar a candidatura de Lula, reafirma a histórica postura deste Sindicato em defesa da democracia. Isto não significa nem pode resultar em apoio a qualquer candidato/a no pleito eleitoral de 2018. Ao contrário, o ANDES-SN deve se manter autônomo e independente de partidos, governos, religiões e reitorias e reafirmar a necessidade de construção de uma alternativa classista dos/das trabalhadores/as, a qual não pode ser assumida nem pelo neoliberalismo, nem pela sua variante da conciliação de classe”, afirma o texto.

 Fonte: ANDES-SN

Outras deliberações do 37º Congresso estão disponíveis neste link.


Mais Notícias

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DA ELEIÇÃO DO CONSELHO DE REPRESENTANTES DA ADUR-RJ S. SINDICAL

Postado em 17/10/2018

EDITAL DE CONVOCAÇÃO DA ELEIÇÃO DO CONSELHO DE REPRESENTANTES DA ADUR-RJ S. SINDICAL    O Presidente da ADUR-RJ S. SINDICAL, leia mais


DIRETORIA DIVULGA NOTA SOBRE AS AMEAÇAS QUE PAIRAM SOBRE A SOCIEDADE BRASILEIRA E A LUTA CONTRA O AUTORITARISMO

Postado em 17/10/2018

ENFRENTAR O AUTORITARISMO E OS ATAQUES AOS TRABALHADORES, AOS SERVIDORES PÚBLICOS E ÀS UNIVERSIDADES A ADUR-RJ, assim como as demais leia mais


NOTA APROVADA PELA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUR-RJ DEFENDE A ORGANIZAÇÃO PELA BASE CONTRA QUALQUER REGIME DE RETRAÇÃO DE DIREITOS

Postado em 17/10/2018

NOTA APROVADA PELA ASSEMBLEIA GERAL DA ADUR-RJ A história sindical do movimento docente ruralino tem se constituído sobre bases democráticas leia mais


Assessoria Jurídica da ADUR elabora relatório referente aos processos de docentes ingressados pelos advogados da ADUR

Postado em 11/10/2018

O Escritório Boechat & Wagner Advogados Associados, contratado em agosto do presente ano para prestar Assessoria Jurídica à Associação de leia mais


CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA – 15 de outubro de 2018

Postado em 11/10/2018

CONVOCAÇÃO DE ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA A Diretoria da ADUR-RJ S.Sind. convoca para Assembleia Geral Extraordinária: Data: 15 de outubro de leia mais


Confira a nova edição do ADUR INFORMA

Postado em 04/10/2018

Nessa edição o jornal traz a reportagem de capa sobre o incêndio no Museu Nacional, que aconteceu no início de leia mais


Reunião GTPAUA

Postado em 21/09/2018

Na próxima segunda-feira, dia 24 de setembro, irá acontecer mais um reunião do Grupo de Trabalho Política Agrária, Urbana e Ambiental leia mais


Nota da diretoria da Aduff sobre o ocorrido na UFF Campos na noite de ontem (13)

Postado em 14/09/2018

Na noite de ontem, dia 13 de setembro, fomos surpreendidos com relatos da comunidade acadêmica da UFF de Campos, dando leia mais


Nota da Assembleia da ADUR-RJ em repúdio aos ataques sofridos pela Reitoria da UFRJ

Postado em 13/09/2018

Nota da Assembleia da ADUR-RJ em repúdio aos ataques sofridos pela Reitoria da UFRJ A assembleia da ADUR-RJ, reunida em leia mais


REUNIÃO DOS(AS) DOCENTES DA UFRRJ COM A ASSESSORIA JURÍDICA DA ADUR-RJ PARA TRATAR DE AÇÕES EBTT, AUXÍLIO TRANSPORTE E REAJUSTE DOS SPF

Postado em 13/09/2018

REUNIÃO DOS(AS) DOCENTES DA UFRRJ COM A ASSESSORIA JURÍDICA DA ADUR-RJ PARA TRATAR DE AÇÕES EBTT, AUXÍLIO TRANSPORTE E REAJUSTE leia mais


demais notícias